Com Cleverson Veronese e Rodrigo Penteado

Pelo menos 150 empregos diretos serão gerados pela termoelétrica que será implantada no município de Aripuanã, a 1.080 km de Cuiabá (MT), pelo Grupo Guaçu Geração de Energia. Será a primeira termoelétrica de Mato Grosso a utilizar a biomassa. A obra deve ser inaugurada em julho de 2012.

O assunto foi tema de audiência pública realizada ontem (15) no Centro de Educação Continuada Dardanelos com a participação da população, representantes do poder executivo, legislativo e Secretaria estadual de Meio Ambiente (SEMA).
Durante o evento, foi apresentado o projeto do empreendimento, com plantas, localização, impacto ambiental e socioeconômico. Após a apresentação a população pode opinar com sugestões e criticas que foram esclarecidas pelo grupo.
Segundo Paulo Sergio Formigone, diretor presidente do grupo Guaçu Geração de Energia, o prefeito Carlos Roberto Torremocha foi o principal responsável instalação da termoelétrica em Aripuanã. O empreendimento seria implantado em Mato Grosso do Sul, mas o prefeito destacou que o município oferece uma grande quantidade de matéria prima e enfrenta hoje um problema de âmbito ambiental e social com os resíduos produzidos pelo setor madeireiro.
Preocupado com o futuro, o prefeito propôs que fosse instalada uma termoelétrica pelo grupo, sendo que o mesmo tem outros empreendimentos no município no setor madeireiro e pecuário e assim resolveria o problema das indústrias madeireiras. Paulo Sergio Formigone ressaltou ainda que será implantado junto com a termoelétrica um PóloIndustrial de beneficiamento de madeira.
O prefeito enfatizou que a administração municipal incentivou o empreendimento cedendo o aterro, isenção de impostos na fase de construção visando à geração de novos empregos e renda para o município.
Engenheiro responsável pelo empreendimento, André Escobar disse que para implantação da termoelétrica é muito importante o apoio do setor madeireiro que são os principais responsáveis na geração da matéria prima utilizada na termoelétrica, que é a biomassa (rejeitos debeneficiadoras de madeiras). Esta termoelétrica é a primeira do Estado de Mato Grosso na utilização da biomassa considerada uma das energias mais limpas e sem impacto ambiental. A obra empregará 200 trabalhadores na fase de construção e 80 na fase de geração de energia.
A partir da liberação da licença ambiental o prazo de construção é de 18 meses, mas como ela seria implantada em MS já estava em processo de fabricação. A data prevista para inauguração é julho de 2012 . (Com Top News)
http://feeds.feedburner.com/blogdasandracarvalho
0 0 votes
Article Rating
Se inscrever
Notificação de
guest
1 Comentário
mais antigo
mais novo mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
Anônimo
Anônimo
10 anos atrás

Esse projeto é iniciativa do engenheiro florestal R.Mastrangelli? Usinas termoelétricas para Alta Floresta, Apiacás, Aripuanã? Depois da operação Jurupari a impressão que temos é que ele resolveu colocar outros colegas à frente dos negócios para não se comprometer ou até resolver suas pendências com a Justiça, inclusive pessoais. Se isso for verdade, esperamos que ele não transforme cada usina em mais um de seus truques para prejudicar pessoas inocentes outra vez.