Os trabalhadores da rede municipal de Ensino de Várzea Grande realizam uma manifestação dia 18 de abril contra a situação de constrangimento e de falta de respeito que vive a educação.
A subsede de Várzea Grande do Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público de Mato Grosso (Sintep/VG) cobra do Poder Executivo a implementação do piso salarial, reforma das escolas e enquadramento dos funcionários. “Além das reivindicações já protocoladas, hoje ainda temos os professores interinos sem receber salários e mais de 70 servidores que não sabem onde está o cheques do mês de abril”, informa a presidenta da subsede, Maria Aparecida Cortez
“A situação em Várzea Grande é de total desmando. Temos uma crise moral e ética. Estamos convocando a categoria para uma ato por uma Várzea Grande melhor, mas aguardamos, também, a participação da sociedade e dos movimentos sociais organizados. A concentração está marcada para as 8 horas, em frente à igreja Nossa Senhora do Carmo (centro)”, acrescentou a sindicalista.
http://feeds.feedburner.com/blogdasandracarvalho
0 0 vote
Article Rating
Se inscrever
Notificação de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments