Mesmo que os mato-grossenses estejam acostumados a estradas péssimas, que nem deveriam ser chamadas de estradas, este ano o estado dos caminhos, estradinhas, e estradões do nosso sofrido Mato Grosso estão um desastre, um perigo, e um desrespeito à população. As autoridades federais e governamentais não estão nem aí.  As autoridades municipais também não ligam.  Vejamos o caso de Juara: Saindo da cidade em qualquer direção nos deparamos com atoleiros selvagens e pontes interditadas. A estrada que vai para Pará Norte, ruim desde o início dos tempos, este ano está de uma dificuldade impossível.
Confira texto completo acessando nossa página ARTIGOS.
http://feeds.feedburner.com/blogdasandracarvalho
0 0 votes
Article Rating
Se inscrever
Notificação de
guest
1 Comentário
mais antigo
mais novo mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
lucas meneses
11 anos atrás

isso è mesmo uma vergonha,viajo sempre pro estado do mato grosso e todas as vezes me deparo com o pessimo estado das estradas.Meu pai mora no distrito de paranorte municipio de juara,e todas as vezes que planejo ir la ja penso no pessimo estado de conservaçao da estrada,buracos,pontes destruidas sem contar com os varios trechos de atoleiros.
OS gorvernantes deverian olhar com mais carinho para essa estradas,pois todas ligam municipios onde moran cidadaos que pagan seus impostos em dia e que merecen ao menos um pouco de respeito.