A tragédia do Rio nos remete a pensar sobre um mal silencioso que assola nosso país, as doenças “da alma”.
A grande maioria das pessoas admitem os mais diversos tipos de doenças.
Dor de garganta, tuberculose, difeteria cancer, a música dos Titans inteira, mas dificilmente encontraremos alguém que admita uma doença no cérebro. O cérebro como qualquer outro órgão, adoece, ainda mais hoje com o nosso estilo de vida moderno, onde o cérebro nunca sofreu tantos estímulos.. Trabalhamos com o cérebro e na hora de lazer estamos ou nos games ou nas redes sociais. O sono que segundo os especialistas é a principal forma do cérebro se renovar, cada vez fica mais curto, As tardes sentados na calçadas ou nos terreiros em conversa com parentes e amigos, só na lembrança, com isso essa maravilhosa máquina vai ficando sobrecarregada e quando menos esperamos ela “pifa”.
Leia texto completo na nossa página ARTIGOS.
http://feeds.feedburner.com/blogdasandracarvalho
0 0 vote
Article Rating
Se inscrever
Notificação de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments