Os R$ 5 milhões anunciados para socorrer municípios do Nortão de Mato Grosso ainda não foram liberados. Em Colniza, 956 km ao norte de Cuiabá (MT), cerca de seis mil moradores do distrito de Guariba, o mais prejudicado pelas chuvas e sem acesso por terra, a comunidade está recebendo cestas básicas, medicamentos e combustível via aérea ou de barco porque várias pontem foram abaixo.
“Ainda estamos aguardando uma posição do Governo do Estado sobre os recursos liberados para que possamos dar início à reconstrução de pontes e estradas”, informa a prefeita Nelci Capitani, que está em Cuiabá agilizando outras necessidades para amenizar os problemas do município enquanto o recurso prometido não é liberado.
A distribuição de cestas básicas para a população de Guariba teve início ontem e está sendo feita por equipes da Prefeitura de Colniza e do Governo do Estado. Nelci Capitani deslocou uma equipe da prefeitura para Guariba desde o último final de semana.
De lá para cá, a equipe tem promovido reuniões com servidores de órgãos públicos que atuam no distrito e levantado real situação daquela população. Ficou decidido, durante essas reuniões que o atendimento seria por micro áreas e com o envolvimento dos agentes comunitários de Saúde.
Duas salas da Escola Estadual do Guariba foram cedidas para armazenamento das cestas básicas com segurança e o setor madeireiro cedeu cinco caminhonetes para fazer a distribuição das cestas básicas.
Na terça-feira teve início o transporte das cestas básicas dia aérea sob a coordenação da base da Defesa Civil montada no município de Juina. As aulas transcorrem normalmente e não falta merenda escolar para os estudantes.
http://feeds.feedburner.com/blogdasandracarvalho
0 0 votes
Article Rating
Se inscrever
Notificação de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments