O secretário de saúde de Cuiabá, Antônio Pires, visitou hoje (15/04) o Hospital e Pronto Socorro Municipal de Cuiabá, mas se restringiu a passar pelo antigo Box de Emergência, onde estão sendo construídas novas enfermarias Porém, não esteve e uma das  UTIs Adulto, onde há seis leitos desativados por falta de equipamentos, e nem verificou os problemas com os ar condicionados nas Salas Vermelha e Amarela, onde há pacientes mais graves e que foram recentemente inauguradas.
Os ar condicionados estão apresentando falhas porque a Secretaria de Saúde de Cuiabá estaria devendo dois meses de pagamento às empresas prestadoras de serviço.
A rede municipal de saúde de Cuiabá apresenta problemas de gestão ao longo de sua existência. Há denúncia de sumiço de dinheiro em  janeiro de 2005 e as poucas obras de expansão da rede foram edificadas de 2001 a 2004 e entre 2008 e 2009. De 2010 para cá, por exemplo, nenhuma nova unidade foi construída. A reforma do Pronto Socorro caminha a passos lentos e já apresenta problemas em sua estrutura.
Vereadores do município chegaram a criar a Sala do Vereador no Pronto Socorro, porém pouco permaneceram no local até ser totalmente extinta, quando os legisladores poderiam estar fiscalizando a aplicação do dinheiro do SUS.
O Ministério Público também permanece calado diante da situação e o Conselho Municipal de Saúde não se manifesta. Hoje fornecedores e prestadores de serviço também estão com seus pagamentos atrasados  e ainda há informação que médicos de PSF, que deveriam cumprir 8 horas diárias, atendem apenas a 10 pacientes e vão embora para atender em consultórios e clínicas particulares. Se o secretário vai ao Pronto Socorro e não vê problemas gravíssimos, como irá enxergar e resolver falhas em toda a rede e que comprometem a qualidade do serviço prestado ao usuário do SUS.
http://feeds.feedburner.com/blogdasandracarvalho
0 0 vote
Article Rating
Se inscrever
Notificação de
guest
1 Comentário
mais antigo
mais novo mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
Vanderlei Nunes
9 anos atrás

É de uma cara de pau impressionante esse ilustre secretário. O que ele foi fazer lá no HPS? Cadê o prefeito pra cobrar trabalho ou exonerar e substituir por alguém que vá se preocupar com o tema "Saúde" no Município?
Deus ajude a população cuiabana.