Se depender dos Projetos de Decretos Legislativos (PDCs) que tramitam no Congresso, o Brasil pode ter 37 Estados e quatro territórios da União, além do Distrito Federal (DF). A divisão territorial atual do País contempla 26 Estados e o DF. Em relação a Mato Grosso, a proposta é da criação de dois novos Estados: Mato Grosso do Norte e Araguaia.
A maioria das propostas pede divisões nos Estados da Região Norte. O Amazonas, por exemplo, pode ter que ceder terreno para o Estado do Alto Solimões e o Território Federal do Rio Negro, entre outros.
A diferença dos territórios para os Estados é que eles teriam verba federal e sua gestão ficaria a cargo de um gestor indicado pela Presidência. Amapá, Acre, Roraima e Rondônia já funcionaram assim antes de ganhar status de estados.
Além de ser aprovada pelo Legislativo, a criação de um novo Estado depende de um plebiscito que deve ser respondido pela população local.
Além dos pedidos para criar novas unidades da federação, há uma PDC que sugere a revisão dos limites do Piauí, Ceará e do Rio Grande do Norte. Municípios que ficam na região de fronteira poderiam passar a pertencer ao Estado vizinho, se assim decidisse a população em plebiscito.
Desde 1988, já passaram pelo Congresso 92 projetos similares. O pedido mais antigo é de 1988, de autoria do então deputado Chico Humberto pedindo a criação do Estado do Triângulo, em Minas Gerais. Essa e muitas outras proposições foram arquivadas, mas as ideias de novos Estados continuam ativas em outros 25 PDCs que tramitam na Câmara e no Senado.
O argumento para criar o Estado de Mato Grosso do Norte é a distância da população da região à capital estadual, Cuiabá, Diz o PDC: “Ainda que muito gratos pelo carinho, apoio estímulos que receberam do Sul do Mato Grosso”.
A respeito do Estado do Araguaia, um dos PDCs que pede a divisão do Mato Grosso diz que “ao criar arbitrariamente o Mato Grosso do Sul, o governo agiu partindo corações, gerando decepções de um lado e esperanças do outro”. (Fonte: IG)
http://feeds.feedburner.com/blogdasandracarvalho
0 0 vote
Article Rating
Se inscrever
Notificação de
guest
4 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
Anônimo
Anônimo
9 anos atrás

Sou contra também sobre essa dividão, Campo Grande mama na teta até hoje.

Anônimo
Anônimo
9 anos atrás

Quero saber qual é a posicão do nosso ilustre governador sobre esse tema, pois todos nos sabemos qual era sua posição antes de ser governador

Anônimo
Anônimo
9 anos atrás

Olá Sandra, parabens pela materia, seria bom que o referido site, informe quais são os politicos de MT que são contra e a favor, para que a população tire suas dúvidas em relação a postura deles….obrigado

to do olho
to do olho
9 anos atrás

sou contra adivisão, pois o nosso estado na ultima divisão foi o maior prejudicado