Exposição Irigaray será aberta nesta segunda (06/08), às 19 horas, com performance do artista

Após 10 anos de reclusão à espiritualidade, o mato-grossense Clóvis Irigaray, um dos mais renomados artistas plásticos do país, retorna ainda mais surpreendente. Ele acaba de produzir uma obra que será  exposta com exclusividade na Casa do Parque. Um índio nu, com as cores mais vibrantes possíveis encontradas na natureza.  “Juntei um pouco do meu passado, do meu presente e esta obra inédita para reiniciar…. é um momento muito importante da minha vida”, define, referindo-se à exposição IRIGARAY, que será aberta nesta segunda (06), às 19 horas.

Sobre o período de recolhimento, ele confessou não saber por que abandonou os pincéis. “Acho que eu estava cansado. Eu parei totalmente esses dois anos e foi bom para eu refletir. Refleti nas coisas de Deus. Ele é um alimento para minha alma. A todo momento peço pra ele ficar ao meu lado”, falou com a voz mansa, porém com um brilho nos olhos de quem está numa fase ainda mais criativa.

E Irigaray volta pintando um dos seus temas que mais o satisfaz. O índio. “Porém com a intenção de estar numa corrente de escolas definidas, numa corrente de pensamentos que explore ainda mais as cores”, conceituou o artista plástico, que já produziu mais de 4 mil telas ao longo de sua carreira, cujo sucesso credita muito a Aline Figueiredo e Humberto Spíndola, que conheceu na Faculdade de Direito, em Campo Grande, na década de 70.  “Antes eu apenas desenhava clássicos. Com eles eu conheci a arte”, reconhece Irigaray.

Foto: Mary Juruna

Irigaray consegue viajar nas cores entre a religiosidade e o regionalismo. Mistura o índio à sociedade civilizada e brinca com a Monalisa, de Leonardo da Vinci (sua obra preferida) com uma facilidade natural de quem nasceu para as artes plásticas. “Eu respiro a arte. Ao contrário do que muitos pensam, não me considero um artista irreverente.  Sou um artista de fé, tenho uma carreira de glórias e me sinto realizado”.
Sobre a exposição na Casa do Parque, ele não esconde a ansiedade. “Eu espero encontrar alegria, rever os amigos e oferecer alguma coisa que as pessoas que gostam do meu trabalho esperam encontrar nessa exposição”, comentou Irigaray ao receber em sua casa a equipe do Circuito Mato Grosso.

“A Casa do Parque ser o palco do retorno artístico de Clóvis Irigaray é de um valor imensurável. Um marco importante para a Casa e para mim, pessoalmente falando, já que sou fã do artista, da pessoa e colecionadora das suas obras”, declara Flávia Salem, idealizadora da Casa do Parque e da exposição IRIGARAY, observando que na abertura haverá performance do artista.

Serviço:
O quê: Exposição “IRIGARAY”
Abertura: 06/08/2012 – com performance do artista
Horário: 19 horas
Local: A Casa do Parque, ao lado do estacionamento dos fundos do Parque Mãe Bonifácia, em Cuiabá
Período: 06/08 a 15/09/2012
Informações: (65) 3365-4789
Contato Imprensa: Sandra Carvalho  (65) 9949-4457

http://feeds.feedburner.com/blogdasandracarvalho
0 0 vote
Article Rating
Se inscrever
Notificação de
guest
1 Comentário
mais antigo
mais novo mais votado
Inline Feedbacks
View all comments
Anônimo
Anônimo
8 anos atrás

Irigaray, homem de nome e personalidade fortes, parabéns por despertarem esse artista que respira arte e talento,seu olhar diz tudo, o olho das telas lindas e ousadas que nos dá arrepios.