Dezessete capitais sediam dia 9 de novembro o 2º Encontro Nacional das Mulheres na Roda de Samba. Em Cuiabá, vinte e duas mulheres entre cantoras, musicistas e produtoras musicais farão parte da roda, que em 2019 homenageará Lecy Brandão, referência para todas as mulheres que trabalham com samba e arte.

Idealizado pela cantora Dorina Barros, o projeto tem a proposta de unir as rodas de samba femininas, assim como cantoras e instrumentistas de samba de todo o país, criando uma rede entre as artistas e aumentando as trocas culturais, além de contribuir para fortalecer a divulgação para o público da força feminina do samba.

A proposta é unir forças diante de tantos movimentos políticos e artísticos, que trouxeram para o espaço público debate acerca da igualdade de gênero dentro do universo do samba, explicam Liliane Nascimento e Luanda Taiana, do Samba das Pretas, da coordenação local do evento.

Da roda que ocorrerá em Cuiabá participarão as cantoras Benny Costa, Bia Borel, Deize Águena, Fadia Fares, Fátima Campos, Juliane Grisólia, Larissa Padilha, Luciana Bonfim, Mariana Borealis, Rita Cassia, Regina Rangel, Sandra Regina, Semites Marques, Vera Baggetti e Zuleica Arruda. Como instrumentistas, Juliane Grisólia (violão), Andrea Rosa (cavaco), Camila Ferreira, Davene Carvalho, Bia Scaff, Monica Campos e Kalinca Nunes (percussão).

A roda de samba terá início às 15h, com transmissão ao vivo (live) no Facebook às 16h, contemplando todas as cidades participantes. O público vai conferir sambas com grupos femininos e cantoras em revezamentos regulares até o final do evento, que será gratuito. O local ainda está sendo definido.

Nesta edição, participam, além de Cuiabá (MT), Aracajú (SE), Belém (PA),  Belo Horizonte (MG), Juiz de Fora (MG),  Brasília (DF),  Campinas (SP), São Paulo (SP),  Curitiba (PR), Florianópolis (SC),  Fortaleza (CE),  João Pessoa (PB),  Londrina (PR), Maceió (AL), Natal (RN), Porto Alegre (RS), Rio de Janeiro (RJ), Maricá (RJ), Recife (PE), Salvador (BA) e ainda na cidade argentina La Plata.

Resistência

O Encontro Nacional das Mulheres na Roda de Samba é um evento que traz a mulher como pauta para o tema de resistência. A mulher no samba possui contexto histórico, através das experiências das mulheres que foram precursoras no samba, como Clementina de Jesus, Jovelina Pérola Negra, Tia Ciata, Dona Ivone Lara, Tia Eulália, Aracy de Almeida, as Tias Baianas, entre tantas outras mulheres que tiveram uma representação que hoje serve de inspiração e resistência para a nova geração de mulheres do samba. Na primeira edição, a grande homenageada foi Dona Ivone Lara.

Ficha Técnica:

Idealização: Dorina Barros

Produção executiva, pesquisa e assessoria de comunicação: Camille Siston

Coordenação de produção: Carolina Pinheiro e Patrícia Yury Assumpção

Design gráfico: Maria Julia

Site: Órbita Publicidade (Julia Sinder)

Mídias sociais: Ritmiza

Links do evento:

Aracaju (SE) – http://bit.ly/2lM5Z08

Belém (PA) – http://bit.ly/2maSKWX

Belo Horizonte (MG) – http://bit.ly/2lISq1g

Brasília (DF) – http://bit.ly/2ma6OQs

Campinas (SP) – http://bit.ly/2ma8edK

Cuiabá (MT) – http://bit.ly/2kswzuY

Curitiba (PR) – http://bit.ly/2keTfPa

Florianópolis (SC) – http://bit.ly/2lObcnO

Fortaleza (CE) – http://bit.ly/2lNUDZb

João Pessoa (PB) – http://bit.ly/2ksycsy

Juiz de Fora (MG) – http://bit.ly/2ktZpLt

Londrina (PR) – http://bit.ly/2kEV1ZR

Maceió (AL) – http://bit.ly/2lMIm7k

Maricá (RJ) – http://bit.ly/2m94ZTR

Natal (RN) – http://bit.ly/2lOHrDp

Porto Alegre (RS) – http://bit.ly/2kd6q35

Recife (PE) – http://bit.ly/2keqwKi

Rio de Janeiro (RJ) – http://bit.ly/2lJ0kHY

Salvador (BA) – http://bit.ly/2mafGWg

São Paulo (SP) – http://bit.ly/2kd8ZCf

Vitória (ES) – http://bit.ly/2kETbIq

Volta Redonda (RJ) – http://bit.ly/2lI7Fri

La Plata (ARG) – http://bit.ly/2kD1Tag

http://feeds.feedburner.com/blogdasandracarvalho
0 0 vote
Article Rating
Se inscrever
Notificação de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments