O lançamento do Condomínio Residencial Cancún, em Porto Velho, neste último final de semana, ultrapassou todas as expectativas. Em dois dias foram vendidos 90% dos imóveis, empreendimento do Grupo FV, de Mato Grosso, que chega a Rondônia para realizar o sonho da casa própria e impulsionar a economia do estado.

Formado pelas construtoras Paiaguás e Farias e FV Concreteira, o Grupo FV, que já construiu mais de 10 mil imóveis residenciais, sempre primando pela qualidade dos imóveis e prazo de entrega.

Joyce Ramos de Oliveira Lourenço, gerente de habitação da Caixa Econômica Federal de Porto Velho, fez uma avaliação do empreendimento.

“Ficamos muito felizes com a inauguração de mais uma grande parceria com o Grupo FV, que vem para fomentar e impulsionar a construção civil e a economia local, trazendo o benefício da moradia com qualidade para os munícipes. É uma dupla felicidade”.

Anderson Farias, Edgar Veggi e Edy Veggi com a gerente da Caixa Econômica Federal, Joyce Ramos de Oliveira Lourenço

O fisioterapeuta Luiz de Pontes e a autônoma Shelria dos Santos foram um dos primeiro a fechar o negócio. Chegaram cedo ao local do evento com todos os documentos e em pouco tempo já estavam comemorando a aquisição. O casal mora na casa dos pais de Luiz e em breve poderão ter seu próprio espaço.

O casal Luiz de Pontes e Shelria dos Santos, que moram com os pais, era só alegria após fechar o negócio

“Gostamos da forma facilitada de pagamento, da estrutura da casa e da localização. Com certeza esta data está representando um divisor de águas em nossas vidas”, declarou o fisioterapeuta.

Casado e pai de dois filhos, o motorista Francisco Gonçalves da Silva viu, aos 40 anos, a chance de adquirir uma casa para família. O que mais chamou sua atenção no empreendimento foi a qualidade do imóvel e também a localização.

“Gostei muito da casa e também do bairro, onde tem muitas pessoas conhecidas que já moram lá. Enfim vou sair do aluguel”.

Qualidade do imóvel e localização atraíram o motorista Francisco Gonçalves da Silva, que vai deixar o aluguel

No local do lançamento do Condomínio Residencial Cancún, muitas histórias de vida, realização de sonhos e também de gratas coincidências. Rose de Souza e Rose Santos se conheceram ali, adquirindo um imóvel, e descobriram que serão vizinhas. Além do nome em comum, ambas são esteticistas.

Além do nome em comum, Rose Souza e Rose Santos são esteticistas e serão vizinhas no Cancún

Rose de Souza contou que adquiriu o imóvel para investimento e Rose Santos para ter sua primeira casa, onde irá morar com esposo e filhos. Um abraço selou a amizade das duas clientes do Grupo FV, antecipando o ambiente familiar que o projeto do Condomínio Residencial Cancún propõe.

Qualidade

Anderson Farias, que representa a Construtora Farias no Grupo FV, destacou a qualidade da obra com um dos grandes diferenciais do empreendimento.

“Nossas casas são de paredes de concreto, com grande resistência, com uma acústica muito boa e excelente acabamento. Além disso, o grupo tem um histórico de entregar as obras no prazo, sempre buscando a satisfação do cliente”, pontuou, observando que já há movimentação no canteiro, e logo, logo a obra estará a todo vapor.

Engenheiro e diretor do Grupo FV, Edgar Veggi já anuncia a segunda etapa do Cancún em Porto Velho

Diretor técnico do Grupo FV, o engenheiro Edgar Veggi (Construtora Paiaguás) ressaltou que além do empreendimento representar a realização de um sonho para muitos, também é sinônimo de investimento.

“Nossas obras se mantêm sempre valorizadas, nunca teve deságio. Além do quê, sair do aluguel é muito mais rentável”, afirmou, observando que logo virá a segunda etapa do empreendimento, o Cancún 2. “Temos perspectivas muito boas para Porto Velho. Estamos aqui para mostrar a esta cidade e ao estado de Rondônia que viemos para ficar”.

Todo o Brasil

Edy Veggi (Construtora Paiaguás), também diretor do Grupo FV, comemorou o sucesso de evento. “Vimos que Rondônia é um estado em franco desenvolvimento, impulsionado pelo agronegócio, e que precisa de investimento à altura em se tratando de empreendimentos residenciais. Se deu certo em Mato Grosso, onde já construímos mais de 10 mil imóveis, por que não aqui? Queremos colocar a empresa no Brasil todo”, anunciou o construtor.

Deixe um comentário

avatar
  Se inscrever  
Notificação de